/* title to get the post title */ function getPageTitle() { global $wp_query; return get_post_title($wp_query->post->ID); } /* Add shortcode */ add_shortcode('page_title', 'getPageTitle');

As instalações da antiga escola primária de Vale da Cerdeira, na freguesia de São Jorge da Beira, encerradas há mais de 20 anos, acolheram a 29 de novembro o arranque da iniciativa itinerante “Oficina de Atividades”, nova valência do serviço da Unidade Móvel de Saúde e de Apoio Psicológico e Social da Mutualista Covilhanense. «A iniciativa visa promover o envelhecimento ativo e, simultaneamente, combater a infoexclusão e o isolamento dos idosos nas freguesias rurais servidas pela Unidade Móvel», explica Nelson Silva, Presidente da Direção.

A “Oficina de Atividades” contempla a realização de dois ateliês temáticos  com periodicidade semanal, Exercício Físico e Informática/Multimedia, e tem o apoio do Grupo Fidelidade, que em maio passado distinguiu o projeto com o Prémio Fidelidade Comunidade.

A inauguração da Oficina de Atividades em Vale da Cerdeira contou com a presença de Felisbela Paulino, do Gabinete de Responsabilidade Social do Grupo Fidelidade, de José Branco, Presidente da Junta de Freguesia de São Jorge da Beira, e ainda de residentes da localidade vizinha de Casal de Santa Teresinha, a próxima a receber a iniciativa. Também em Casal de Santa Teresinha os ateliês funcionarão nas antigas instalações da escola primária local, igualmente encerradas há mais de duas décadas.

«Progressivamente, a Oficina de Atividades será alargada a outras localidades do concelho da Covilhã onde estamos a operar», adianta Nelson Silva. Atualmente, a Unidade Móvel de Saúde da Mutualista Covilhanense chega a 10 localidades: Aldeia de São Francisco de Assis, Barroca Grande, Casal de Santa Teresinha, Vale da Cerdeira, Cambões, Minas da Panasqueira, São Jorge da Beira, Trigais, Verdelhos e Pereiro.

A Unidade Móvel de Saúde e de Apoio Social e Psicológico é um serviço de proximidade em saúde criado para servir as populações das freguesias rurais do concelho, com especial incidência na mais idosa (+ de 65 anos de idade) e com limitações físicas e geográficas de acesso.

A equipa da Unidade Móvel é multidisciplinar e inclui um médico, uma enfermeira, uma técnica social, uma psicóloga, uma farmacêutica e agora também um profissional de Educação Física e um Técnico da área de Informática/Multimedia.

 

Share This