/* title to get the post title */ function getPageTitle() { global $wp_query; return get_post_title($wp_query->post->ID); } /* Add shortcode */ add_shortcode('page_title', 'getPageTitle');

Os 280 trabalhadores da Beralt Tin Wolfram, concessionária das Minas da Panasqueira, passaram a usufruir de serviços da Mutualista Covilhanense nas áreas social e da saúde. Uma nova realidade possível graças a um protocolo celebrado entre as duas entidades, a 11 de abril, no Centro de Formação da empresa, na Barroca Grande. A parceria possibilita o acesso dos trabalhadores às valências da Associação, com enfoque na sua Unidade Móvel de Saúde, e prevê o combate conjunto a situações geradoras de exclusão social.

A Mutualista Covilhanense, que já opera na freguesia de Aldeia de São Freguesia de Assis com a sua Unidade Móvel desde 2017, por via da parceria firmada com a Junta de Freguesia, reforçou assim a sua atuação no couto mineiro. Da parte da Beralt Tin & Wolfram, o protocolo foi celebrado ao abrigo da sua política de responsabilidade social. O administrador executivo da empresa, Corrêa de Sá, expressou a sua “enorme satisfação” com a assinatura deste acordo, “pelo facto de assegurar benefícios para os trabalhadores e também habitantes desta zona em geral”. Os colaboradores da Beiralt residem maioritariamente na Barroca Grande e São Jorge da Beira, mas também em Unhais-o-Velho e Dornelas do Zêzere, freguesias do concelho da Pampilhosa da Serra. A cerimónia de assinatura do protocolo integrou o programa da terceira edição da iniciativa anual “Mês da Segurança”, da Beralt, direcionada para os seus colaboradores, subordinado ao tema “Segurança Mil”. “No fundo, Saúde é também Segurança”, realçou Corrêa de Sá.

Nelson Silva, presidente da direção da Mutualista Covilhanense, explicou que “a associação tem vindo a realizar nesta zona do concelho, tal como noutras mais isoladas, um trabalho em prol da melhoria da qualidade de vida das suas populações através dos serviços nas áreas da saúde e social de que dispõe, numa ótica de coesão territorial e social, e considerámos importante alargá-lo à maior empregadora local, a Beralt, em benefícios dos seus colaboradores“. Com este protocolo, a Mutualista passou a disponibilizar, através da sua Unidade Móvel, os serviços médico (Clínica Geral), de enfermagem, de psicologia e de acompanhamento farmacêutico, bem como acesso ao seu Centro Clínico e Farmácia, na sua sede, e ainda a descontos e vantagens em parceiros protocolados, tais como óticas, dentistas ou clínicas.

Também presente na cerimónia esteve Joana Campos, Presidente da Junta de Aldeia de São Francisco de Assis, que considerou “uma mais-valia” que a Beralt Tin & Wolfram se associe também ao projeto da Unidade Móvel de Saúde e coopere com a Mutualista, “no sentido das três entidades poderem trabalhar em conjunto em benefício de quem reside e de quem trabalha na freguesia”. “Estamos no sul do concelho, a 50 quilómetros da Covilhã, pelo que por vezes é difícil ter-se acesso a certos serviços, designadamente nas áreas social e da saúde”, sublinhou a autarca.

Para assinalar o arranque desta parceria foi organizada pelas três entidades uma jornada de rastreios cardiovasculares, visuais e auditivos para os trabalhadores das Minas da Panasqueira e para a população em geral, que decorreu também no Centro de Formação. Os rastreios cardiovasculares foram realizados pela equipa técnica da Mutualista, os visuais e auditivos pelo Grupo Ópticas Lince – ao abrigo da parceria com a associação para o Programa de Saúde Visual e Auditiva “OuViste? – Ver melhor, Ouvir mais”, de caráter gratuito.

Share This